Tom Holland presta sua homenagem a Steve Ditko, cocriador do Homem-Aranha, que faleceu

Tom Holland presta sua homenagem a Steve Ditko, cocriador do Homem-Aranha, que faleceu

Na noite da última sexta (06), o mundo foi surpreendido pela noticia do falecimento de Steve Ditko, uma das maiores lendas dos quadrinhos, cocriador do Homem-Aranha e do Doutor Estranho. Aos 90 anos, o quadrinista faleceu em seu apartamento em Nova York. Segundo a polícia, o corpo foi encontrado no dia 29 de junho e a morte teria ocorrido dois dias antes.

Na mesma noite do anúncio, grandes nomes da indústria de quadrinhos e do cinema prestaram sua homenagem a Ditko. A Marvel Entertainmente divulgou uma nota de pesar (veja aqui) e, agora, pelo Twitter, foi a vez de Tom Holland, o atual interprete do Homem-Aranha no cinema, prestar sua homenagem a Ditko.

“Nós todos queremos deixar nossa marca no mundo – este cara se superou. Ele fez tantas pessoas felizes e mudou vidas – acima de todas, a minha! Obrigado, Steve – sua vida continua, cara, obrigado.”

Steve Ditko foi responsável pela criação do visual do Homem-Aranha, atendendo a um pedido de Stan Lee, que queria que o personagem, um adolescente, tivesse uma aparência diferente de todos os heróis adultos da época. O estilo do traço de Ditko ajudou a moldar a personalidade de Peter Parker, e o ilustrador também foi responsável por todo o conceito visual tão icônico do herói. Além do Aranha, Ditko também trabalhou com Stan Lee no desenvolvimento do Doutor Estranho, sendo o responsável pelos aspectos psicodélicos da apresentação gráfica da magia e do mundo místico do Mago Supremo.

Após seu retorno a Casa das Ideias, que tinha deixado anteriormente por questões nunca bem explicadas, Ditko criou a Garota Esquilo. Ele também criou o Questão para a Charlton Comics, que depois passou a pertencer a DC quando esta adquiriu a editora. Já na própria DC, Steve Ditko criou a dupla Rapina e Columba.

Um recluso por opção, Steve Ditko vivia sozinho e não dava entrevistas ou fazia aparições publicas.

Comentários