Sandman – vídeo de apresentação mostra os bastidores da nova série da Netflix

Sandman – vídeo de apresentação mostra os bastidores da nova série da Netflix

Nesta terça (08) a Netflix divulgou um sneak peek de Sandman, a sua nova série que adapta a aclamada e cultuada obra de Neil Gaiman para a Vertigo da DC. O vídeo de apresentação conta com depoimentos do próprio autor, além da participação de Tom Sturridge, que protagoniza a produção no papel de Morpheus, e Gwendoline Christie, a Brienne de Tarth de Game of Thrones, que será Lucifer.

Além de Sturridge e Christie, o elenco de Sandman também conta com Boyd Holbrook, Charles Dance, David Thewlis, Gena Coleman, Patton Oswalt e muitos mais.

Allan Heinberg (Mulher-Maravilha, Grey’s Anatomy) é o responsável pelo roteiro e também o showrunner de Sandman. Neil Gaiman e David Goyer também são produtores executivos.

Descrita como “História em quadrinhos para intelectuais” por Norman Mailer, Sandman foi lançada pelo selo Vertigo da DC, sendo publicada de 1989 até 1996. Posteriormente ganhou minisséries que expandem o rico universo dos Perpétuos.

“Mesclando mitologias modernas e fantasia sombria, além de acrescentar elementos modernos, históricos e míticos, a série conta a história de Morfeus, um dos Perpétuos — criaturas análogas aos deuses, mas ainda maiores — responsável pelo Mundo dos Sonhos. Basicamente ele controla e tem acesso a todos os sonhos da humanidade e de todas as criaturas capazes de sonhar, sendo o senhor do Mundo dos Sonhos, a terra aonde vamos em nossas horas de sono. Quando uma ordem mística tentou capturar a irmã de Sonho, a Morte, em seu lugar eles capturaram Morfeus. Assustados com o que conseguiram, os membros da ordem o mantiveram cativo. E assim teve início um período de diversas décadas em que esse Perpétuo ficou trancafiado à mercê de seus captores, deixando o Mundo dos Sonhos abandonado e os sonhadores desamparados. A série nos revela como ele se libertou e como foi capaz de se adaptar no mundo após tantos anos de ausência, e também nos mostra um vislumbre de sua história e da mitologia dos Perpétuos.”

Comentários