Renato Aragão, o Didi, deixa a Rede Globo depois de 44 anos

Renato Aragão, o Didi, deixa a Rede Globo depois de 44 anos

Esta parece uma daquelas notícias que ninguém nunca imaginou que iria dar: Renato Aragão, o Didi Mocó, não é mais contratado da Rede Globo. O contrato da emissora com o humorista e criador dos Trapalhões se encerrou nesta terça (30) e não será renovado. A informação é do UOL.

Em entrevista para o site, Renato, de 85 anos, diz ter recebido a não renovação do contrato como uma oportunidade para novos desafios na carreira.

“Para mim, ampliou meus projetos. Você não sabe como eu estou gostando. É uma nova etapa. Não paro nunca, sempre trabalhando. Eu me considero meio máquina, meio humano”, disse.

O ator e humorista também comentou sua longa trajetória na Rede Globo.

“Primeiro, Os Trapalhões. São 20 anos de sucesso contínuo. Criei o Criança Esperança, que também foi uma maravilha. Depois a Turma do Didi. Fiz muita coisa, tive muita alegria na TV Globo, não tenho nada de ruim para falar. Estou muito feliz com ela.

Isto não significa, porém, que Renato não aparecerá mais na emissora. Como ele mesmo explicou, a partir de agora passará a fazer contratos por obras específicas.

“Nós chegamos a um acordo. Contrato é uma coisa simbólica. Continuo trabalhando na Rede Globo por projetos pontuais e faço projetos em outras plataformas. É a oportunidade de fazer também em outro lugar.”

O intérprete de Didi não quis adiantar quais seriam esses outros lugares, mas especula-se que ele possa desenvolver projetos na Netflix ou Amazon Prime Video.

Embora muito associado a Globo por conta de toda uma geração que cresceu assistindo o programa Os Trapalhões nas noites de domingo nos anos 80, Renato Aragão, Dedé, Mussum e Mauro Gonçalves, o Zacarias, chegaram à Vênus Platinada apenas no final dos anos 70, tendo sido contratados a peso de ouro em razão do grande sucesso de Os Trapalhões na Rede Tupi, na qual o programa foi ao ar de 1974 a 1976.

As mortes prematuras de Zacarias, em 1990, e de Mussum, em 1994, levou ao fim de Os Trapalhões, ainda que Renato tenha tentado repetir a fórmula por muitos anos, mas sem sucesso.

O último trabalho de Renato Aragão na Globo foi em 2017.

Comentários