Pantera Negra – jogador dos Patriots faz grito de guerra do herói no retorno da NFL

Pantera Negra – jogador dos Patriots faz grito de guerra do herói no retorno da NFL

O filme do Pantera Negra, primeiro super-herói negro dos quadrinhos, tornou-se um fenômeno cultural, e o reflexo pode ser visto até nos esportes, principalmente nos EUA, onde atletas de várias modalidades já homenagearam o filme usando máscaras do herói ou através do gesto que se tornou marca do personagem: os braços cruzados na altura dos punhos. E no começo da atual temporada, no jogo entre New England Patriots e Pittsburgh Steelers, Michael Bennett, da equipe de Massachusetts, deu o icônico grito de guerra do herói no vídeo de apresentação.

O filme dirigido por Ryan Coogler e protagonizado por Chadwick Boseman ultrapassou a cifra de US$ 700 milhões nos EUA, sendo a quarta maior bilheteria no mercado doméstico, ficando atrás apenas de Avatar (US$ 760,5 milhões), Vingadores: Ultimato (US$ 858 milhões) e O Despertar da Força (US$ 936,6 milhões). Apenas nos EUA, a bilheteria dele é superior a de Vingadores: Guerra Infinita (US$ 677,8 milhões). Mundialmente, Pantera Negra fez US$ 1,346 bilhão, sendo a décima maior bilheteria global em todos os tempos.

Pantera Negra 2, novamente com roteiro e direção de Coogler, será lançado em 06 de maio de 2022.

Comentários