Oscar 2020 – Academia se manifesta sobre ausência de Luke Perry e Cameron Boyce no In Memorian

Oscar 2020 – Academia se manifesta sobre ausência de Luke Perry e Cameron Boyce no In Memorian

No quadro In Memorian da cerimônia do Oscar, realizada no último domingo (09), o que mais chamou a atenção foi a ausência de dois nomes dentre os homenageados: Luke Perry e Cameron Boyce. Sobretudo o primeiro, pois ele trabalhou em um dos filmes que recebeu o maior número de indicações este ano, Era Uma Vez… em Hollywood.

Dada a grande repercussão, a Academia se manifestou através de uma nota (via TV Guide):

“A Academia recebe centenas de pedidos para incluir entes queridos e colegas da indústria no segmento In Memorian do Oscar. Um comitê executivo representando cada setor considera a lista e faz seleções para a transmissão televisiva baseado no limite de tempo disponível. Todos os pedidos estão incluídas no Oscar.com e permanecerão no site ao longo do ano. Luke Perry e Cameron Boyce estão lembrados na galeria do Oscar.com.”

Luke Perry, que ganhou fama mundial ao interpretar o rebelde Dylan McKay na série Barrados no Baile nos anos 90, e que recentemente trabalhava na série Riverdale, morreu aos 52 anos, em março de 2019. Cameron Boyce, dos filmes Gente Grande 1 e 2 e da série de filmes Descendentes, do Disney Channel, morreu aos 20 anos em agosto de 2019.

Outro que não foi incluído no segmento foi Sid Haig, mais conhecido pelo papel de Capitão Spaulding na trilogia de terror dirigida por Rob Zombie, mas que trabalhou também em Kill Bill: Volume 2 (2004) e Jackie Brown (1998), e 007 – Os Diamantes São Eternos (1971), além de mais de 100 outras produções.

 

Comentários