Netflix terá comerciais inseridos em programas nos planos mais baratos no futuro próximo

Netflix terá comerciais inseridos em programas nos planos mais baratos no futuro próximo

Após comunicar, nesta última terça (19), pela primeira vez a perda de assinantes, o que sinaliza uma crise na plataforma de streaming, o CEO da Netflix, Reed Hastings revelou em entrevista (via THR) que a companhia planeja desenvolver planos mais baratos que contarão com a inserção de intervalos comerciais durante as exibições dos programas.

“Quem acompanha a Netflix sabe que sou contra a complexidade da publicidade e um grande fã da simplicidade da assinatura. Mas, por mais que eu seja fã disso, sou um grande fã da escolha do consumidor e permitir que consumidores que gostariam de ter um preço mais baixo e são tolerantes à publicidade consigam o que querem faz muito sentido”, disse Hastings. “Pense em nós como bastante abertos a oferecer preços ainda mais baixos com a publicidade como uma escolha do consumidor.”

De acordo com o executivo, a oferta dos planos com propagandas deverá começar dentro de um ou dois anos.

A Netflix perdeu assinantes em quase todas as regiões, com exceção do mercado da Ásia-Pacífico, onde conseguiu novos 1 milhão de assinantes. Contudo, o déficit se verifica a partir do decréscimo ocorrido nos outros mercados. A gigante do streaming agora conta com cerca de 640.000 assinantes a menos na região dos EUA/Canadá, perda ocorrida durante o primeiro trimestre . Na Europa, Oriente Médio e África a perda foi de 300.000 assinantes; e na América Latina chegou a 350.000. A previsão é que a perda de assinantes continue no segundo trimestre e o número esperado é de mais 2 milhões de assinantes.

Comentários