Mindhunter – David Fincher confirma encerramento da série na segunda temporada

Mindhunter – David Fincher confirma encerramento da série na segunda temporada

Em entrevista à revista Vulture para divulgação de seu novo filme, Mank, o cineasta David Fincher deu uma triste noticia para aqueles que esperavam uma terceira temporada da série produzida por ele, Mindhunter. Segundo o diretor, a série estrelada por Jonathan Groff foi mesmo encerrada na segunda temporada.

De acordo com Fincher, a produção da série “absorve tudo em sua vida. Quando eu terminei, estava muito exausto, e disse ‘Eu não sei se eu quero fazer uma temporada três'”, e a Netflix não discutiu.

“Para a audiência [m[edia] que tínhamos, era uma série muito cara”, argumentou Fincher. “Nós falamos sobre terminar Mank e depois ver o que acontece, mas, honestamente, eu não acho que seríamos capazes de fazer por menos do que fizemos na segunda temporada. Em certo nível você tem que ser realista de que o valor da audiência precisa justificar o valor da produção.”

Em janeiro deste ano o contrato dos principais atores de Mindhunter com a Netflix expirou e eles foram liberados para procurar novos trabalhos.

Mank,  o primeiro filme dirigido por David Fincher desde Garota Exemplar (2014), é uma cinebiografia do lendário roteirista Herman J. Mankiewicz e seu tumultuado trabalho junto a Orson Wells no desenvolvimento de Cidadão Kane (1941). Mank estreia em 04 de dezembro.

A segunda temporada de Mindhunter estreou em 16 de agosto de 2019, quase dois anos depois da primeira. Se houver uma terceira, infelizmente levará muito mais tempo. Inicialmente Fincher planejava que a série tivesse pelo menos cinco temporadas.

Baseada no livro de título homônimo, escrito por dois ex-agentes do FBI, a série, de 10 episódios segue a investigação e interrogatórios conduzidos pelos agentes Bill Tench (Holt McCallany) e Holden Ford (Jonathan Groff), que tentam entender como funciona a mente de um psicopata

Comentários