Indigno Thor – Revelado o que tornou o Deus do Trovão indigno de seu martelo

Indigno Thor – Revelado o que tornou o Deus do Trovão indigno de seu martelo

Desde o seu anúncio, a série Unworthy Thor provocou variadas reações entre os fãs e muitos questionamentos. Tudo que sabíamos é que, depois de ouvir palavras proferidas por Nick Fury, na minissérie Pecado Original, o Deus do Trovão tornara-se indigno de empunhar seu martelo, Mjolnir, e este a partir de então passou a ser empunhado por Jane Foster. Unworthy Thor causou tanto impacto que até mesmo tornou-se referência para a mais nova aventura do Filho de Odin nos cinemas, Thor: Ragnarok, que estreia em novembro.

Após muitas especulações, nesta quinta-feira (22) o mistério foi enfim revelado. Em The Unworthy Thor #5 o roteirista Jason Aaron revelou o grande segredo.

SPOILERS ABAIXO

Na minissérie Pecado Original, imbuído do poder do Vigia, Nick Fury sussurrou no ouvido de Thor:

“Gorr estava certo.”

Gorr é o Carniceiro dos Deuses, uma criatura que fez do assassinato de todas as entidades divinas sua missão, e que tornou-se o inimigo mais mortal já enfrentado por Thor. Para Gorr, os deuses são um mal, pois usam os outros seres para seus propósitos egoístas e mesquinhos, e que o universo, os mortais, não precisam dos deuses, pelo contrário, serão livres apenas quando eles não mais existirem. Tendo sido proferidas por um Fury de posse de todo poder de onisciência de Uatu, o Vigia da Terra, essas palavras provocaram uma crise de identidade em Thor, semeando a dúvida em seu coração, levando-o a perder a fé em si mesmo, tornando-o assim indigno de empunhar Mjolnir.

Ao final de The Unworthy Thor #5, Odinson desiste do martelo do Thor Ultimate, que pereceu defendendo o multiverso, e este permanece no Jardim de Odin, mas não por muito tempo… surgirá alguém que ira erguê-lo, tornando-se um novo Thor Ultimate. As revelações sobre o futuro do Deus do Trovão ocorrerão a partir de junho, na edição 20 de Mighty Thor.

Fonte: ComicBook

Comentários