Duna – revista revela primeira imagem do gigantesco verme de areia

Duna – revista revela primeira imagem do gigantesco verme de areia

Nesta sexta (28) a revista Empire divulgou as capas de sua nova edição, que têm como destaque o elenco da nova adaptação cinematográfica de Duna, clássico da ficção científica de Frank Herbert, agora com direção é Denis Vileuneve. Mas o grande destaque mesmo fica para a primeira imagem de um dos gigantescos vermes de areia.

A primeira capa tem Timothee Chalamet, como o protagonista, Paul Atraides, acompanhados por Oscar Isaac e Rebeca Ferguson, que interpretam seus pais, além de Josh Brolin. Já a segunda traz Jason Momoa, Zendaya e Javier Bardem.

 

 

 

A terceira capa mostra a dimensão titânica dos vermes de areia.

 

 

Dividido em dois longas, até o momento a data de lançamento do primeiro filme de Duna continua mantida para 17 de dezembro de 2020.

O elenco de Duna conta com Timothee Chalamet como o protagonista, Paul Atreides, Rebeca Ferguson como Lady Jessica, além de Josh Brolin, Dave Bautista, Stellan Skarsgard, Charlotte Rampling, Javier Bardem. Jason Momoa,  Zendaya e Oscar Isaac.

Publicado em 1965, Duna tem como protagonista o jovem Paul Atreides, cuja vida está prestes a mudar radicalmente. Após a visita de uma mulher misteriosa, ele é obrigado a deixar seu planeta natal para sobreviver ao ambiente árido e severo de Arrakis, o Planeta Deserto.

Envolvido numa intrincada teia política e religiosa, Paul divide-se entre as obrigações de herdeiro e seu treinamento nas doutrinas secretas de uma antiga irmandade, que vê nele a esperança de realização de um plano urdido há séculos. Ecos de profecias ancestrais também o cercam entre os nativos de Arrakis. Seria ele o eleito que tornaria viáveis seus sonhos e planos ocultos? Ao lado das trilogias Fundação, de Isaac Asimov, Duna é considerada uma das maiores obras de fantasia e ficção científica de todos os tempos.

Em 1984, David Lynch dirigiu uma adaptação que causou muita polêmica entre os fãs do livro devido a mudanças na história. Contudo, a obra criada por Frank Herbert é tão imensa e complexa que adaptá-la para o cinema fielmente é quase impossível. Resta ver como será o trabalho de Denis Vileuneve, que fará dois filmes a partir da história.

Comentários