Criador de Thanos diz ter sentimentos mistos sobre a grande popularidade do personagem

Criador de Thanos diz ter sentimentos mistos sobre a grande popularidade do personagem

Após Vingadores: Guerra Infinita e Vingadores: Ultimato, Thanos, que por décadas foi um personagem conhecido apenas pelos fãs de quadrinhos, tornou-se um dos maiores vilões da história do cinema e um grande fenômeno de popularidade. E seu criador, Jim Starlin, ainda não se acostumou com isso.

Durante participação na Niagra Falls Comic Con (via CB), a lenda dos quadrinhos revelou ter sentimentos mistos sobre a popularidade de Thanos.

“[Sinto-me] abençoado, condenado. É uma mistura. Depende de como estou no dia”, disse Starlin. “Sabe, nós estávamos muito confortáveis sendo pequenos personagens cults, ele [Thanos] e eu, e então demora um pouco para acostumar que nos tornamos um ícone pop e seu pai. É surreal. Isso abriu grandes oportunidades para mim, e ao mesmo tempo tem causado algumas pequenas dificuldades, sobre as quais não vou falar. Mas, frequentemente, tem sido positivo.”

Joe Rubinstein, que ilustrou a Saga do Infinito, declarou ter ficado encantado ao ver o personagem ganhando vida.

“Quando eu vi o primeiro filme, Guerra Infinita, e Thanos estava batendo nos Vingadores, eu fiquei encantado. Foi o mais próximo de uma história em quadrinhos ganhando vida que eu já vi, e foi meio que hipnotizante assistir.”

 

Comentários