Coringa se torna a oitava maior bilheteria do ano e da história dos filmes da DC

Coringa se torna a oitava maior bilheteria do ano e da história dos filmes da DC

Neste final de semana Coringa deu prosseguimento a sua trajetória de sucesso. Coincidentemente, o filme dirigido por Todd Phillips obteve a oitava colocação dentre as maiores bilheterias do ano de 2019 e também a mesma posição dentre as maiores sucessos da DC na história.

Com US$ 737,5 milhões arrecadados, em 2019 Coringa está atrás apenas de Velozes e Furiosos: Hobbs & Shaw (US$ 758,8 milhões), dos cinco filmes que cruzaram a marca de US$ 1 bilhão: Aladdin, Toy Story 4, Capitã Marvel, Homem-Aranha: Longe de Casa e O Rei Leão, além de Vingadores: Ultimato, que é a maior bilheteria de todos os tempos.

Por falar em termos históricos, Coringa também é a oitava maior bilheteria dentre todos os filmes produzidos pela DC, tendo superado Liga da Justiça (US$ 657,9 milhões) e Homem de Aço (US$ 668 milhões) e ficando logo atrás de Esquadrão Suicida (US$ 746 milhões), Mulher-Maravilha (US$ 821,8 milhões), Batman v Superman: A Origem da Justiça (US$ 873,6 milhões), Batman: O Cavaleiro das Trevas (US$ 1.003 bilhão), Batman: O Cavaleiro das Trevas Ressurge (US$ 1,084 bilhão) e Aquaman (US$ 1,148 bilhão).

Nada mal para um filme que custou apenas US$ 55 milhões.

“Coringa foca no icônico arqui-inimigo e é uma história original e solo nunca antes mostrada na tela. A exploração de Arthur Fleck (Joaquin Phoenix) um homem ignorado pela sociedade que não é apenas um arrojado estudo de personagem como também um mais amplo conto de alerta”.

Além de Joaquin Phoenix, também estão no elenco Zazie Beetz, Robert De Niro, Marc Maron,  Brett Cullen como Thomas Wayne, Dante Pereira-Olson (Bruce Wayne), Douglas Hodge (Alfred Pennyworth), e Frances Conroy, como a mãe do futuro Coringa.

 

 

 

Comentários