Reboot dos X-Men e novo ator para Wolverine já estão sendo discutidos na Marvel

Reboot dos X-Men e novo ator para Wolverine já estão sendo discutidos na Marvel

A oficialização da compra da 21th Century Fox pela Disney foi feita nesta quinta-feira (14), mas a negociação já se desenrolava há algumas semanas. Embora o presidente da Marvel Studios, Kevin Feige, ainda não tenha se pronunciado publicamente, segundo o THR o futuro dos X-Men e do Quarteto Fantástico já está sendo discutido na Disney e, claro, mais precisamente na Marvel Studios.

Segundo a publicação, a Disney pretende fazer uma avaliação do resultado na bilheteria de filmes como Novos Mutantes e Gambit para tomar uma decisão a respeito de sequências. Josh Boone, diretor de Novos Mutantes, filme que será lançado nos primeiros meses do próximo ano, tem planejado uma trilogia. O longa é uma produção de baixo orçamento, com público mais restrito, porque sua classificação indicativa será para maiores de 17 anos, com mais tons de filme de terror do que de super-heróis. Caso o filme consiga sair-se bem nas bilheterias, terá sua sequências.

O mesmo vale para o filme de Gambit, protagonizado por Channing Tatum e que terá como diretor Gore Verbinsky, que dirigiu a franquia Piratas do Caribe para a Disney. Por bastante tempo existiu a suspeita de que o filme solo do mutante cajun nunca sairia do papel, mas suas filmagens começarão em fevereiro ou março de 2018 e caso consiga ter uma boa aceitação também pode garantir uma sequência.

Contudo, segundo o THR, o filme solo de X-23 que foi mencionado pelo diretor de Logan, James Mangold, alguns meses atrás, já pode ser considerado carta fora do baralho. X-Men: Fênix Negra, que estreará no final de 2018, deve ser o último filme da equipe com esta configuração atual, que começou em X-Men: Primeira Classe. Fênix Negra será o quarto. De acordo com a matéria do The Hollywood Reporter, o reboot da franquia já está sendo discutido, ou melhor dizendo, planejado.  Inclusive o nome de um novo ator para interpretar o mais popular dos X-Men, Wolverine, é um dos principais tópicos das discussões.

É provável que o primeiro filme a ser anunciado seja o do Quarteto Fantástico, embora exista uma certa preocupação, de alguns executivos, em relação a uma certa fadiga da marca, que depois de dois filmes lançados em 2005 e 2007 teve um reboot em 2015 que resultou em um pavoroso fracasso de critica e público. Porém, para aqueles que demonstram receio em relação a uma possível cansaço do público em relação ao Quarteto é bom lembrar que Homem-Aranha: De Volta ao Lar foi o filme de super-heróis de maior bilheteria no ano (US$ 880 milhões), mesmo sendo o segundo reboot do personagem nos últimos cinco anos.

A matéria do TRH termina lembrando aqueles que estão apreensivos em relação ao futuro das equipes agora integradas ao MCU que Kevin Feige, presidente da Marvel Studios, deu seus primeiros passos no cinema produzindo os primeiros filmes dos X-Men na Fox e que ele ama e conhece esses personagens profundamente, e que, por isso, eles não poderiam estar em melhores mãos.

 

Comentários