Mark Hamill aconselha menina que teme ser ridicularizada por gostar de Star Wars

Mark Hamill aconselha menina que teme ser ridicularizada por gostar de Star Wars

O mundo está longe de ser um lugar fácil para as mulheres, e no universo nerd não é diferente. Garotas que gostam de quadrinhos, games, filmes de super-heróis, ficção científica e fantasia são frequentemente vítimas de comentários machistas, sendo obrigadas a lidarem com um ambiente hostil e desagradável.

Recentemente, um grupo de extrema direita norte-americano se organizou para fraudar a nota do público de Star Wars: Os Últimos Jedi no Rotten Tomatoes, praguejando que a agenda feminista estaria arruinando Star Wars, isto apenas porque mulheres interpretam importantes e fortes personagens na nova trilogia da saga espacial.

Antes do 08 de março, Dia Internacional da Mulher, Mark Hammil recebeu um pedido no Twitter, feito por uma mãe.

“Minha filha de sete anos está chorando na cama agora porque ela quer vestir sua camisa de Star Wars na escola, mas está com medo de que seus colegas de escola riam dela porque ela está vestindo ‘coisa de menino’. Eu estou tão triste e com raiva por ela. Por favor, RT e comente para que eu possa mostrar a ela quão incríveis as garotas fãs de Star Wars são”.

 

“Apenas diga a ela para se sentir livre para usar esse gesto [o de Luke fingindo limpar o ombro ao ser atacado por Kylo Ren] se os seus colegas lhe magoarem. ‘Coisa de menino’? POR FAVOR! A Força é e sempre será poderosa com as mulheres aqui na Terra e em galáxias muito muito distantes”, escreveu Hammil.

Star Wars: Os Últimos Jedi, com direção de Ryan Johnson, tem no elenco Mark Hamill (Luke Skywalker), Carrie Fisher(General Leia), Rey (Daisy Ridley) Finn (John Boyega) Poe Dameron (Oscar Isaac), Kylo Ren (Adam Driver), General Hux(Domhnall Gleeson), Supremo Líder Snoke (Andy Serkis), Peter Mayhew (Chewbacca), Anthony Daniels (C3-PO), Jimmy Vee (R2-D2), Kelly Marie Tran (Rose), Benicio del Toro (DJ) , Laura Dern (Vice-Almirante Amilyn Holdo).

 

Comentários