Logan Wolverine – jogador com nome do herói defende seleção brasileira de polo aquático

Logan Wolverine – jogador com nome do herói defende seleção brasileira de polo aquático

“Eu sou o melhor no que faço, mas o que eu faço não é nada bonito”, diz uma das frases mais famosas de Wolverine nos quadrinhos, referindo-se a sua capacidade de… matar. Já outro Wolverine talvez não seja o melhor no que faz, mas faz algo muito mais legal: jogar polo aquático.

Logan Wolverine de Oliveira Cabral é o nome do touca número 2 da seleção brasileira que disputa um torneio pan-americano em São Paulo que visa duas vagas para o Mundial de Desportos Aquáticos, em Gwangju, na Coreia do Sul, em julho. Matéria publicada no site do Globo Esporte conta a história por trás do curioso nome do atleta.

“Eu queria colocar outro personagem: Conan, o Bárbaro Eu também faço coleção dos quadrinhos desse personagem, muito antes do filme do Arnold Schwarzenegger. Mas entre Conan e Logan, minha esposa ganhou e pediu para ser Logan Wolverine”, contou Ricardo Borracha, pai do jogador da seleção.

 

 

“Num primeiro momento, confesso, foi um susto: é nome ou apelido? Não, não. Tá no RG dele. Logan Wolverine. No começo você até acha engraçado, mas se acostuma. Logan Wolverine. Com W mesmo. Um super-herói”, disse André Avallone, técnico da seleção que conhece o jogador desde as equipes de base.

Em uma matéria que foi exibida pelo SporTV News em 2011, quando Logan tinha 16 anos, o rapaz mostrou uma carteira do Botafogo com seu heroico nome.

 

 

Ao falar se tem alguma habilidade especial, Logan aproveitou para brincar com a principal característica de seu xará dos quadrinhos e cinema.

“Superpoder é a minha vontade de querer ganhar sempre. É entrar ali com foco e objetivo. Sempre querer o melhor. A mão grande também ajuda. Segura bem a bola, com aderência. Mas é a garra e a vontade de querer ganhar sempre que valem, né.”

 

 

Comentários